Toda rosa possui o seu espinho

Costumam dizer que toda rosa possui o seu espinho. Talvez o da minha estivesse cravado no fundo do meu coração ou nas entranhas de todo o meu orgulho. Às vezes tento parar para pensar no que não deu certo e não consigo entender onde foi que cometemos o primeiro erro.

Sorte que temos tempo para nos valorizar. Nem sempre a culpa por não ter dado certo é minha, sua ou deles. Muitas coisas acontecem a nossa volta, de tantas formas diferentes, que não é possível se esquivar dos pequenos problemas que, juntos, se tornam insuportavelmente grandes.

rosa2

Mas no fundo sabemos que poderíamos ter sido uma das melhores coisas que aconteceram em sua vida e a outra pessoa nem ao menos se dará conta disso. Tudo bem! A vida continua e sou realmente grato por pessoas apaixonantes surgirem a nossa volta. Alguns se esquecem que ainda há tempo para o romantismo ou  viver um grande amor apenas por uma noite.

Entendemos que pequenos eventos podem ser bastante significativos. Talvez voltar sozinho na estrada de madrugada, ouvindo um de seus discos favoritos e acompanhar o amanhecer enquanto dirige se torne uma das sensações mais valiosas em muito tempo. Nunca subestime a vida, pois o mais simples de tudo pode mesmo te surpreender.

Seria ótimo se o sol voltasse, aos poucos, a brilhar.

Valores

É engraçado como conseguimos desenvolver características que são excelentes em decepcionar as pessoas que dormem sozinhas no quarto ao lado. Palavras, gestos e atitudes impensadas que fazem nossos parceiros esquecerem quem realmente somos e pararem para analisar em que momento de suas vidas penetraram as fortalezas do erro.

Foi triste quando fiz aqueles que amava chorarem, mas foi ainda pior quando minhas lágrimas caíram por culpa de outra pessoa.

Tento olhar o mundo de uma outra forma e cada vez fico mais convencido que não temos mais esperanças.  Nossos desejos já não valem nada, exatamente como aquela ferida sangrando na pata dianteira esquerda do frágil cão abandonado.  Quando foi que o ser humano passou a ser tão insensível?

Pais, mães, irmãos, irmãs, avós e tios. Esse tipo de vida já não importa mais.