Máscaras

Um beijo
Um carinho
Um abraço

Ter a chance de ser você mesmo ao lado de alguém
É o que realmente importa nessa vida

Sem máscaras
Sem filtros
Por pura e simples liberdade

Agarre-se a quem lhe permite ser assim
Por espontaneidade
Por simplesmente ser quem realmente é
Porque é cada vez mais raro perder as amarras para ser quem nosso coração quer que a gente seja

O sistema no qual o mundo funciona não abre espaço para que sejamos assim
Jogue o jogo
Mas não se esqueça nunca de ouvir a sua vontade interior
Ela é a sua essência
É a chave para que sejamos um pouco mais felizes dentro do caos que nos rodeia

Os sinais estão aí
Por todos os lados
Basta prestar atenção nas verdadeiras intenções

Você vai saber
O seu corpo e mente te avisarão
Sempre

Portanto
Siga o seu entusiasmo

______________
Imagem: Franck Mahon

Anúncios

Karoshi

Essas sim são melodias de respeito
Seguem um caminho desconhecido
Encontram lugares do íntimo que você jamais imaginaria chegar
Ilustram pequenas verdades

Resquícios de que ainda temos consciência para enxergar a realidade dos sentimentos mais profundos

São poucos os gatilhos que temos para alcançá-los
Amores perdidos
Revoltas pessoais
Mortes inesperadas

Pelo amor de Deus
O tempo todo eu vejo gente dizendo algo que nunca quis entender
Palavras que se esqueceram de ouvir
Frases que não lhe despertaram qualquer interesse

Fazem isso o tempo todo e quase ninguém percebeu
Desde a infância
Nas caixas dos brinquedos
Nos meios de comunicação
Nas escolas

E os pais
Só repetem a incrível baboseira que absorveram há varias gerações
Não aprenderam a viver
A curtir
A se desligar

Infelizmente

Hoje
Ter um tempo para você mesmo é considerado um pecado obsceno
Ficar sem nada pra fazer te causa peso na consciência
Puta merda
Até inventaram uma palavra pra quem morre de tanto trabalhar
Karoshi

O harakiri (Seppuku) do Século XXI
Mas sem qualquer tipo de honra

Divagações

Procuro um jeito rápido para nunca mais conseguir resolver os meus problemas. Raiva. Fome. Impaciência. Uma gota de chuva cai e percebo o quanto isso é simples. Buscarei a eficiência e honestidade dos Poderes Executivo e Judiciário. Hipócrita. Sou apenas mais um idiota que critica o país que vivemos. Tudo bem. Não busco a aprovação de ninguém. Tenho consciência que tudo poderia ser bem melhor. Se quisessem. Se deixassem. Se…
.
Enquanto viajo em meus próprios pesadelos, um passarinho canta a minha janela. Vejo em seus olhos que está feliz. Radiante. Irônico. Aposto que grita a plenos pulmões o quanto me acha um grandessíssimo otário. Sorrio e penso calado. Aproveite, pois logo, logo estaremos todos extintos.
.
Não sei porque ainda contento-me em imaginar situações e diálogos que nunca irão existir? Perco horas e horas fingindo ser algo que nunca poderei ser. É um bom passatempo quando temos noção de nossa verdadeira realidade.
.
Celestial Wonder by Miwok.
Preocupo-me com aqueles que estão a minha volta, mas acho que nem sempre sabem que realmente me importo. Talvez nem desconfiam. Olham-me com desdém e proferem palavras injustas pelas minhas costas. Bem-vindo ao mundo real! Você por acaso pensou que haveria justiça se tratasse o outros bem? Se andasse na linha? A única justiça que existe é aquela que você faz por você mesmo. Sem esperar nada em troca. Sem depender que o mundo lute por você.
.
Pergunto-me se o amor tem capacidade para sobreviver em meio ao caos que vivemos hoje? Minha família não mostrou que é possível. Meus heróis menos ainda. Pelo menos a arte, os filmes e livros fazem-me fugir da realidade por alguns instantes.
.
Olhar o céu algumas vezes me traz momentos de paz. Principalmente quando o sol me esquenta pouco ao pouco enquanto acaricio um animal de estimação. Os animais são os únicos que realmente aprenderam a viver. Não querem nada além daquilo que precisam. Amam, transam, brincam. Não há nenhuma farsa em seu olhar. Pena que nós humanos há muito tempo esquecemos que também podemos ser assim.
.
Enfim, já está na hora de fechar os olhos e esquecer que escrevi tanta bobagem por aqui. Não há sentido nenhum em divagar sem ter coragem para seguir nosso próprio coração. Esqueço. Nego. Choro. Não há um dia sequer que não penso em você. Até mais ver. Adeus.